quinta-feira, 9 de outubro de 2008

INTERDITADO

3 comentários:

Marcia Barbieri disse...

Cada dia me convenço mais que vc. é um Bukowski que libertou o seu bluebird.

beijos e te amo

ronaldo braga disse...

me deu prazer ler a poesia de daniel, texto rico, a poesia de daniel facilita e muito para quem lê ou ouve, pois a qualidade é a principal arma deste poeta.

Luciano Fraga disse...

Caro Daniel,fico pensando, quando assisto Interditado, parece-me que os textos, as poesias ganham 7 vidas como os gatos, sempre renascem com alma nova, sua poesia que é de alto nível, multiplicou-se. Tenho proposto ao Ronaldo evoluir o Interditado para uma coletânea em dvd, acredito que ficaríamos com um registro bem legal, abração amigo, espero o seu endereço.